Garopaba viva: União pela qualidade das águas

by | Oct 4, 2019 | Comunidade | 0 comments

No dia 23 de setembro, o “Garopaba Viva”, grupo de lideranças comunitárias, entidades socioambientais, técnicos, professores e moradores das comunidades da Encantada, Ouvidor, Ferrugem, Silveira e outras localidades de Garopaba, realizou uma reunião na sede da Associação de Moradores para apresentar a situação da Bacia Hidrográfica da região, cuja a proteção é um dos maiores desafios. O grupo montou uma maquete para demonstrar e explicar a dinâmica das águas e como as ações têm impacto no volume hídrico da cidade.

Na semana seguinte, no dia 30, o grupo se reuniu abertamente mais uma vez. E na oportunidade, apresentou as principais irregularidades ambientais que afetam a bacia para os mais de 70 presentes no encontro. Situações como a retirada de areia das dunas do Siriú, a ocupação das dunas frontais da Praia da Barra, a descaracterização de áreas no entorno da Lagoa da Encantada, drenagens, aterros, entre outras, foram apontadas e, após conclusão do laudo técnico, serão encaminhadas para providências junto aos órgãos competentes. “Esta é uma ação que teve início no Abraço a Lagoa, que reuniu mais de 1000 pessoas na Praia da Barra. É uma mobilização popular em defesa do meio ambiente”, explica Sergio Leite Pinheiro, técnico das entidades AMA, Costa Catarina, Rede TOBTerra e do grupo Garopaba Viva. “Ninguém quer parar o desenvolvimento. Mas queremos que isso aconteça com respeito a natureza e seus ecossistemas. Garopaba é uma grande bacia, e sustenta rios, lagoas e os lençóis freáticos que abastecem a região. Seu cuidado é missão de todos”, completa. 

A maquete foi florestada e, de forma mais realista, utilizada novamente para demonstrar o funcionamento da Bacia Hidrográfica de Garopaba. Ela deve ser apresentada em escolas e demais entidades para ajudar na conscientização e preservação das águas da cidade. 

Foto: Divulgação