Um lar para chamar de seu

by | Jul 15, 2019 | Comunidade | 0 comments

Foi à primeira visita que o amor brotou entre o casal Vitória Bonatto e Jonas Amorim com a região de Ibiraquera, há quatro anos. Os gaúchos vieram a passeio, se tornaram frequentadores assíduos e logo depois começou um sentimento de pertencimento com a região. “Imagina morar aqui”, lembra a Vitória. Aos poucos a ideia foi amadurecendo e o chamado foi feito. O casal trabalhou o que pode para juntar o dinheiro e comprou o terreno no Vale, onde construiu, sozinho, a sonhada casa.

“Não tínhamos dinheiro para pagar os profissionais. E não sabíamos absolutamente nada sobre construção. Nossas maiores fontes de informação foram o Google e o Youtube e as pessoas que perguntávamos”, conta ela. “Fizemos muitas coisas erradas, como o telhado, que foi feito e refeito. Depois de todo o esforço de dias subindo as ripas e colocando as telhas, e quase tendo um infarto quando o Jonas subia naquela escada construída por ele, um vizinho olhou e disse: ‘o telhado de vocês não têm caimento”, sorri ao lembrar. “Eu já estava esgotada e disse que ia ficar assim mesmo. No dia seguinte, veio um vendaval e tirou metade das telhas. O que eu agradeço, pois fizemos tudo de novo da maneira certa. Foi um sinal da natureza que precisávamos ouvir.”

Foram sete meses na construção em paralelo com o trabalho dos dois até a mudança. De dia na obra, à noite nos empregos. “Íamos de bicicleta do Campo D’una para o Vale, carregando serrote, martelo e outras ferramentas na mochila”, se diverte Vitória. “Foi muito difícil, teve muitas brigas e também muito aprendizado, mas valeu a pena. Nossa casa ficou pronta e linda! Meio torta, sim, mas nossa. E isso reforça ainda mais que tudo é possível, tudo se dá um jeito. Só é preciso ir atrás, botar a mão na massa e o resultado é sensacional!”